Forum Gospel Mania

Fórum Gospel Mania, o ponto de encontro dos evangélicos


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Senador Magno Malta suspeito de farra c/dinheiro público

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Mineirinho


Já sou frequente
Já sou frequente
As farras cometidas com o dinheiro público têm sido destaque nos noticiários brasileiros. Nossos representantes lá em Brasília estão no "olho do furacão". E, obviamente, os crentes que lá estão então são os que devem ficar mais atentos, ou melhor, vigilantes, biblicamente falando.

O Senado instaurou nesta quinta-feira, 30, sindicância para investigar viagem realizada pelo senador evangélico Magno Malta (PR-ES) à Índia e Dubai (Emirados Árabes), no final do ano passado, com recursos da Casa Legislativa.

Presidente da CPI da Pedofilia do Senado, Malta viajou à Índia para participar de um evento contra a pornografia infantil, mas é acusado de "esticar" a viagem até Dubai para fazer turismo.

O diretor-geral do Senado, Alexandre Gazineo, designou três servidores da Casa para investigar viagens realizadas por servidores do Senado a pedido da CPI da Pedofilia - o que inclui o evento a Índia e Dubai.

Segundo reportagem do jornal "Correio Braziliense", publicada nesta quarta-feira, 29, o senador e o assessor José Augusto Santana passaram quatro dias de folga em Dubai, numa viagem oficial autorizada apenas para a Índia, em dezembro.

O evento sobre combate à pedofilia ocorreu entre 3 e 6 daquele mês na Índia, mas o senador e o servidor conseguiram autorização para receber diárias de 1 a 8 de dezembro no valor de R$ 7.200, para cada um. Os dois teriam passado quatro dias em Dubai sem compromissos oficiais.

A sindicância também vai apurar viagens realizadas pelo assessor Glaucio Ribeiro de Pinho, que realizou uma série de viagens a pedido da CPI para o Brasil e exterior. Só em viagens para a Suíça e os Estados Unidos, o Senado pagou mais de R$ 34 mil em diárias aos dois servidores.

Segundo o jornal, Santana gastou R$ 4.000 em ligações com telefone celular corporativo ao longo da viagem entre a Índia e os Emirados Árabes - inclusive no período em que esteve em Dubai. Gazineo determinou que o servidor devolva o valor aos cofres do Senado, uma vez que há suspeitas de que a viagem não ocorreu oficialmente.

Documentos obtidos pela Folha Online mostram que os gastos de Santana na viagem à Índia e Dubai somaram R$ 7.250 em diárias - mesmo valor pago a Malta entre os dias 1 e 8 de dezembro. A CPI da Pedofilia já gastou o total de R$ 140.237 desde que começou as suas atividades, no início de 2008.

O Senado gastou o total de R$ 34.124 com despesas de passagens para Santana, e outros R$ 27.925 para Pinho ao longo das investigações. Tradicionalmente, servidores do Senado não são designados para acompanhar parlamentares em viagens internacionais oficiais.

Os gastos com Malta somam R$ 34.124, entre viagens nacionais e internacionais realizadas em investigações da CPI. O relator da comissão, Demóstenes Torres (DEM-GO), somou no mesmo período gastos de R$ 2.950 com passagens aéreas.

Procurados pela Folha Online, o senador e os assessores não foram encontrados para comentar as denúncias.

Conhecido pelo seu elogiado desempenho frente a CPI da Pedofilia, esta não é a primeira vez que Malta tem seu nome envolvido em denúncias de corrupção. Em 2007, a Polícia Federal (PF) o indiciou por suspeita de participação na máfia dos sanguessugas. À época, o parlamentar foi indiciado por formação de quadrilha, corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

As investigações da Polícia Federal e do Congresso mostraram que o esquema dos sanguessugas fazia compras superfaturadas de ambulâncias para prefeituras com dinheiro do Orçamento.

Magno Malta, que já havia sido absolvido no processo por quebra de decoro parlamentar no Conselho de Ética do Senado, foi acusado de receber uma Fiat Ducato para apresentar uma emenda direcionada às empresas de Luiz Antônio Trevisan Vedoin, apontado como chefe da máfia dos sanguessugas.

Não sei o desfecho desse caso das sanguessugas, mas, pra variar, deve ter virado pizza. Torçamos para que desta vez tudo não passe das suspeitas, pois senão, principalmente por ser crente, a mídia dará ao caso uma proporção bem maior que ele tenha.

Fontes: Folha on line; O Globo on line, Rádio CBN

Ver perfil do usuário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum