Forum Gospel Mania

Fórum Gospel Mania, o ponto de encontro dos evangélicos


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

"Liberdade(?)" irresponsável

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 "Liberdade(?)" irresponsável em Sab Jul 25, 2009 2:51 pm

Mineirinho


Já sou frequente
Já sou frequente
O Ministério da Saúde divulgou recentemente, a maior pesquisa já realizada sobre o comportamento sexual dos brasileiros e os resultados não são muito animadores. Nos últimos 4 anos, o uso de preservativos caiu, as pessoas começaram a fazer mais sexo casual e os jovens (sempre eles!), com frequência, mantém relações com pessoas que conhecem na aqui na internet. Em 2004, o ministério fez um estudo semelhante, embora menos abrangente. Naquele ano, 25,3% dos entrevistados afirmaram sempre usar camisinha. Esse ano, esse índice caiu para 21,5%.

Segundo o estudo, nas relações com parceiros casuais, por exemplo, 68% dos entrevistados de 15 a 24 anos usaram preservativo todas as vezes nos últimos 12 meses. Já entre os entrevistados com mais de 50 anos, 32% disseram ter usado o preservativo em todas as relações nas mesmas situações (com parceiros casuais) no último ano. E os jovens brasileiros podem até se protegem mais de doenças venéreas e gestações indesejadas, porém praticam mais sexo casual e sem compromisso. De acordo com a pesquisa, 14,6% dos entrevistados com menos de 24 anos tiveram mais de cinco parceiros eventuais ao longo de 1 ano. Entre os que têm entre 24 e 49 anos, o índice cai para 7,2%. Além disso, os que têm mais de 15 e menos de 24 anos já usam o universo virtual como meio de paquerar e fazer novos amigos. 10% dos que tiveram pelo menos um parceiro no último ano conheceram a pessoa na rede mundial. Sinal dos tempos. Para o bem ou para o mal.

"Os jovens nasceram na era da aids, por isso, a relação com o preservativo é mais habitual",
analisa Mariângela Simão, diretora do Departamento de Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids do Ministério da Saúde. Apesar disso, mesmo os mais jovens deixam de usar camisinha a partir da segunda vez que fazem sexo com a mesma pessoa. Se 61% garante usar o preservativo na primeira vez, o índice cai pra 50 % depois do segundo encontro. Mariângela explica que
"depois que se estabelece a confiança entre o casal, o uso do preservativo deixa de ser prioridade em especial para as meninas".
Quem namora ou está casado tende, de fato, a deixar a camisinha de lado. Entre os entrevistados que disseram ter parceiros fixos, 30,7% dos jovens garantem fazer uso do preservativo, enquanto na faixa de 25 a 49 anos só 16,6% adotam a mesma postura. Um descuido que pode custar caro - para a pessoa e para os cofres públicos, uma vez que o tratamento aos soropositivos não fica nada barato.

Mas, alguém pode perguntar "o que isso tem a ver com a realidade cristã-evangélica?", ao que eu respondo enfaticamente: TUDO! Ainda mais hoje em dia em que sabemos que os crentes andam um tanto quanto permissivos e libertinos quando o assunto é sexo e sexualidade. Não é novidade para ninguém que um considerável número de jovens solteiros (principalmente os rapazes) que se confessam evangélicos, têm vida sexual ativa e parceiros eventuais. Práticas como o tal de "ficar" e outros tipos de relacionamentos casuais e sem nenhum compromisso sério, são cada vez mais comuns no meio da juventude evangélica. Isto sem contar o número cada vez mais crescente de divórcios, prática largamente exposta pelas celebridades do meio gospel e - pasmemos! -, por muitos líderes de igrejas. Aqui em Belo Horizonte, por exemplo, há um famoso pastor quadrangular que já está em seu terceiro casamento. E em meio os cantores então? O troca-troca de conjugês é uma verdadeira farra. Tudo isto acontecendo a despeito de tudo o que a Bíblia orienta sobre tais assuntos.

Há algum tempo preceitos bíblicos como a virgindade (feminina e masculina), pureza e consagração (separação) eram vividos com mais intensidade. Quando uma moça engravidava antes do casamento, causava um verdadeiro torpor no meio da congregação e o assunto - considerando-se os exageros e distorções - era tratado com rigor. Atualmente, à medida em que festejamos a quebra de alguns tabus e mitos e a crescente e indispensável informação (em todos os níveis) sobre sexo e sexualidade, também assistimos estarrecidos a verdadeira balbúrdia em que muitos crentes carnais e libertinos, sob a desculpa do que chamam de "liberdade", vêm fazendo no meio cristão, o que os coloca no mesmo patamar de imoralidade daqueles a quem denominam de "os do mundo".

Ver perfil do usuário

2 Re: "Liberdade(?)" irresponsável em Dom Jul 26, 2009 8:39 am

Valfrid


Admin
Admin
Olha, em casados eu não vejo o problema de não usar camisinha.

Claro, se querem evitar filhos e a mulher, por algum motivo não pode tomar contraceptivos, então que a usem, caso contrário não há problema.

Mesmo em namorados, sem entrar no mérito bíblico dessa questão, se ambos estão livres de doenças, o que pode ser averiguado com exames gratuitos, não há problemas também.


_________________
Vídeos da Banda Pinprick: http://br.youtube.com/user/pinprickband

Ver perfil do usuário http://newfgm.forumeiros.com

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum