Forum Gospel Mania

Fórum Gospel Mania, o ponto de encontro dos evangélicos


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Premio Nobel Para Terrorista Norueguês?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 Premio Nobel Para Terrorista Norueguês? em Sex Ago 19, 2011 9:18 pm

elielsantos


Chegando agora
Chegando agora
E por quê não?



O Premio Nobel da Paz é atribuído pela Noruega, através do parlamento do país. Em 1995, premiou o "Pai do Terrorismo", Yasser Arafat, e depois, em uma ação mais estranha ainda, premiou o candidato americano Hussein Obama com o nobel, apenas e tão somente pelo seu nome Arabe-muculmano : Hussein Obama.

Os contraditórios nobéis se devem à ideologia dominante naquele país: socialismo. A aliança Islamo-socialista é conhecida no mundo inteiro, assim como a antiga aliança islamo-fascista, com o Mufti de Jerusalém. Estranha coincidencia é o fato de Amin al-Hussem, amigo pessoal de Hitler e colaborador ativo na Solução Final de Hitler, ser tio de Arafat.

Voltando ao Nobel da Paz, Arafat ganhou o prêmio que geralmente é endereçado a personalidades de carater pacifista, o que o excluiria definitivamente da lista de beneficiados. Mas lá estavam os socialistas noruegueses para darem um jeito. Sempre os socialistas dão um jeito de ajudar qualquer grupo terrorista. Portanto, a inexplicavel doação do prêmio Nobel da Paz mostrou ao mundo mais uma vez do que são capazes os esquerdistas em seu afâ de ajudar todo e qualquer grupo extremista muculmano.

Se o Mestre do Terrorismo, Arafat, foi julgado apto para ser contemplado com um Nobel da Paz, porque o seu discípulo norueguês, que não fêz nada que ele não tenha feito, não pode também ser contemplado com um Nobel da Paz? O que vale é a intenção do sujeito, tal qual se julgou Arafat, que segundo os esquerdistas noruegueses fêz tudo pelo seu povo. O terrorista Anders Behring Breivik também matou pensando no povo norueguês.

Arafat pregou durante decadas uma faxina etnica na Palestina: o exterminio total dos judeus. Fiel a esta ideia, Anders Behring Breivik escreveu um manifesto onde deixa explícito o mesmo objetivo em relação aos estrangeiros na Noruega. Arafat não somente pregou uma faxina como matou judeus para mostrar que a prática é melhor do que as palavras. Seu discipulo norueguês também fêz o mesmo. Então, por qual motivo não se pode oferecer ao discipulo o que foi oferecido ao mestre?

Fonte: http://100militar.blogspot.com

Ver perfil do usuário http://vivavida.clickforuns.net

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum